Memórias

Literatura e Memórias

4 minutos No artigo, a partir de um trecho de Baú de ossos, de Pedro Nava (1903 – 1984), apresento algumas reflexões sobre o gênero literário memórias. Antes, porém, peço que leiam o trecho do memorialista mineiro que segue, em que ele fala da batida, uma espécie de rapadura do Ceará, que era feita por sua avó. “Se a batida do Ceará é uma rapadura diferente, a batida de minha avó Nanoca é para mim coisa à parte e funciona no meu sistema de Continue lendo

Memórias: um gênero literário

5 minutos Por Ernani Terra © Uma das obras de nossa literatura que mais me marcaram são as memórias do escritor e médico mineiro Pedro Nava, composta de seis volumes: Baú de ossos, Balão cativo, Chão de ferro, Beira mar, Galo das trevas, Círio perfeito.  Antonio Candido, referindo-se a Nava,  afirma que o memorialista mineiro é um dos grandes escritores brasileiros, colocando-o na companhia de Carlos Drummond de Andrade e Murilo Mendes. Por memórias, designo um gênero textual que consiste no relato feito por Continue lendo